Início > Dicas de TI > Contingência de Internet – Link dedicado ou ADSL?

Contingência de Internet – Link dedicado ou ADSL?

Como montar uma contingência de acesso a Internet

Por Bruno Chicon Gonsalves

Hoje em dia, a Internet se tornou tão indispensável para as empresas quanto à energia elétrica ou o telefone, porem a disponibilidade do serviço ainda não é tão confiável quanto aos outros serviços. Links de Internet ficam fora do ar, podendo causar um enorme prejuízo para sua empresa.

Uma das soluções para este problema é obter um link dedicado, prestadores deste serviço garantem 99,98% de disponibilidade, entretanto esse serviço possui um custo muito alto para uma pequena ou media empresa.

A melhor maneira de se prevenir é ter mais de um link de Internet na sua empresa, se possível um dedicado e outro ADSL, porém ter mais de um link não basta para lhe dar garantias de disponibilidade. É necessário que haja roteamento automático entre os links em caso de falhas. Porem pagar por uma contingencia e não usar é desconfortável.

Não seria ótimo poder balancear os links e usar os dois ao mesmo tempo?

Por sorte há soluções de baixo custo no mercado para a sua pequena ou média empresa.

Neste artigo, abordaremos as vantagens de utilizar roteadores (Gateway de Internet) que oferecem este tipo de recurso como Load Balance, Failover, Failback e etc.

O que é Load Balance

Com este recurso, podemos dividir a carga do acesso entre links distintos, definindo por qual link queremos que uma determinada requisição ou serviço trafegue. Ex.: Todo o trafego de email será pelo Link A e todo o acesso a Internet pelo Link B. Conforme ilustrado na figura abaixo.

Caso algum dos links de Internet fique indisponível, todo o trafego é redirecionando automaticamente para outro link distinto, este processo é chamado de Failover.

 

 

O que é Failover

É a capacidade de transferir automaticamente o trafego de um link para outro em caso de uma falha ou indisponibilidade de um dos links. O failover acontece sem intervenção técnica. As requisições de acesso a Internet são automaticamente equilibradas com base no peso (Weight Value) de cada Link. No caso de um dos links ficar indisponível, todo o trafego de dados é redirecionado para o outro link, evitando assim a perda de pacotes IP. Conforme ilustrado na figura abaixo.

O que é Failback

Envolve o processo de volta a normalização do trafego dos links, antes do failover (antes da falha). A restauração do serviço no momento em que o link com falha volta à normalidade. Este processo é automático e sem a intervenção técnica.

Melhorar a Internet para todos

Alem dos serviços citados acima, como o Load Balance que permite distribuir para links de Internet distintos o tráfego da rede, aumentando a velocidade de acesso e o Failover que diminui as chances da sua empresa ficar sem Internet e prejudicar seu negocio. Também podemos utilizar o serviço de Qos (Qualidade de serviço) que é utilizado para garantir banda para um determinado serviço ou recurso essencial para seu negocio. Desta forma conseguimos aperfeiçoar o acesso a Internet, utilizando os links simultaneamente.

Bruno Chicon Gonsalves é nosso Colaborador e Expert em TI

Veja também: http://www.penso.com.br/como-montar-um-cpd/

Categorias:Dicas de TI Tags:
  1. 5 de agosto de 2010 às 9:56

    BOM DIA, ESTAMOS COM UM PROBLEMA EXATAMENTE SOBRE O QUE DIZ A MATERIA ACIMA.
    NOSSA EMPRESA TRABALHA COM UM SERVIDOR CENTRAL(WINDOWS SERVER 2003), SENDO DIVIDIDO EM UM DE APLICATIVO E OUTRO BD, E AS FILIAIS CONECTAM-SE VIA TS, POR UM VPN DA TELEFONICA, COMO PODERIA COLOCAR UMA CONTINGENCIA, TENDO EM VISTA QUE QUANDO COLOCAMOS O CABO DA GVT NO SERVIDOR, O VPN CAI, ELE ACEITA APENAS O VPN OU O GVT, TERIA ALGUMA SOLUÇÃO?

    • 9 de agosto de 2010 às 18:20

      André, obrigado pela participação!!
      Realmente este é um problema que dificulta a execução automática da contingência dos link´s, mas nossa equipe técnica esta acostumada a tratar e resolver.
      Entre em contato comigo para que possa te ajudar, Henrique – 3515 1818 ou pelo email comercial@penso.com.br
      Muito obrigado!!

  2. 26 de agosto de 2011 às 22:10

    Por gentileza, preciso levantar tudo sobre o que preciso para montar um CPD para funcionar uma plataforma, cujo serviço é todo on-line e onde eu precisarei ter acesso aos meus clientes (mais de 50.000) e seus perfis. Me disseram de contratar um link dedicado no exterior, outros já me disseram para ter um servidor próprio, mas os riscos serão maiores.

    Obrigado

    • 12 de setembro de 2011 às 19:17

      Rodrigo,

      As opçoes são várias, desde colocar seus serviços em Data Center, Cloud ou montar sua própria estrutura, o que difere é ao SLA desejado e o tipo de aplicação/serviço que vai rodar desta solução.
      Por gentileza entre em contato conosco que podemos montar um projeto e ajuda-lo na melhor solução.
      Henrique
      comercial@penso.com.br
      11 3515 1818

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: